Gestão & Saúde

5 passos para otimizar a gestão ocupacional em sua empresa

Falar em gestão ocupacional diz respeito, acima de tudo, a organização e eficiência. Um bom gestor dessa área consegue organizar as atividades da empresa e alinhar todos os processos, promovendo um diálogo eficaz entre diversos setores em prol da saúde ocupacional e da segurança do trabalho.

Em nosso post de hoje traremos 5 passos para melhorar a gestão ocupacional da sua empresa e facilitar o trabalho como um todo. Acompanhe!

1. Garanta que todos os dados estejam disponíveis

Um dos preceitos básicos para uma boa gestão ocupacional é a informação. Por exemplo, ter acesso a dados completos do setor de Recursos Humanos é ponto fundamental para planejar ações e prevenir problemas. A melhor opção é ter um sistema automatizado e integrado que atenda a essas demandas.

2. Mantenha um fluxo eficiente para a comunicação organizacional

Agindo dessa maneira, as informações serão transmitidas por um canal de comunicação eficiente até os gestores ocupacionais, que poderão ofertar um melhor auxílio para diversos fins, tais como:

  • acompanhamento de exames periódicos;
  • geração de notificações, gráficos e relatórios confiáveis para o controle da saúde dos colaboradores;
  • emissão e controle do vencimento de documentos, tais quais PPRA, PCMSO, PCMAT, PGR, PCA, LTCAT e PPP.

Diversas questões também podem ser facilmente respondidas quando há uma boa comunicação entre os diversos setores. As leis e normas vigentes vêm sendo cumpridas? Os exames periódicos foram realizados no prazo? Em caso de necessidade de atendimento médico, há registros organizados do ocorrido? As ações de segurança do trabalho estão sendo eficientes? Para que tudo esteja a contento, use ferramentas que possam manter todas as informações em um só local, a fim de evitar desperdício de tempo em tarefas simples ou retrabalho.

3. Promova um trabalho unificado

Algo que pode dificultar a gestão ocupacional é não saber expor exatamente o papel de cada envolvido com o bem-estar dos trabalhadores. Promover ações que possam unir e dar visibilidade positiva aos esforços de médicos, psicólogos e técnicos em segurança da empresa certamente vão dar a estes profissionais — e para toda a companhia — uma maior assertividade para os objetivos traçados.

4. Crie ações para melhorar a produtividade

Assim como ter acesso fácil às informações pode promover o bem-estar dos colaboradores, algumas medidas são importantes na hora de se manter a segurança e a saúde ocupacional. Ótimos resultados são conquistados por meio de decisões bem simples, como a otimização da área de trabalho, tornando os ambientes mais funcionais e eficientes.

Por exemplo: em empresas do setor industrial, locais de produção podem ter maquinário, ferramentas e insumos dispostos de maneira inadequada, ocasionando queda dos níveis de produção, desgaste durante as tarefas diárias e até possíveis acidentes. Com uma ferramenta de gestão ocupacional que disponha de todas as informações, os profissionais poderão organizar e otimizar os layouts e processos de forma segura, tornando também o trabalho mais rápido e eficaz.

5. Mantenha seu sistema de gestão ocupacional atualizado

Para que sua estratégia de gestão ocupacional continue eficiente daqui a alguns anos, é necessário agendar atualizações e rever a organização dos processos periodicamente. Com isso, é possível adaptar os fluxos ao crescimento orgânico da empresa e às tendências do mercado.

Caso não haja uma avaliação e revisão continuadas tanto dos dados como do software, dificilmente será possível manter-se saudável administrativamente. Considere itens como renovação de contratos, feedback dos gestores e mudanças nas normativas que regulam o setor de atuação da empresa para manter os sistemas de gestão ocupacional em consonância com esses dados.

Contar com uma consultoria eficiente e ferramentas de gestão integrada, nesse sentido, é imprescindível para que o empresário tenha acesso a todas as informações de forma rápida e clara, a fim de promover o sucesso de seus negócios.

Quer receber mais conteúdos para facilitar seus processos de gestão ocupacional? Então assine nossa newsletter e receba dados em primeira mão!

Sobre o autor

portalglauco

Deixar comentário.

Share This